As vantagens da cirurgia robótica no tratamento de câncer de próstata

Dr. Fábio Lepper

As cirurgias robóticas já são uma realidade no Brasil há cerca de 12 anos. Mais ágil e segura do que os métodos tradicionais, a tecnologia vem auxiliando médicos na busca por resultados cada vez melhores em cirurgias que antes ofereciam riscos aos pacientes, seja na hora da operação ou em um segundo momento, com sequelas que o acompanham por toda a vida. No caso do tratamento cirúrgico para câncer de próstata, ela é, hoje, considerada a melhor opção para o paciente.

 Entre as especialidades médicas, uma das mais beneficiada pela cirurgia robótica é a Urologia, abrindo diversas oportunidades para o tratamento não só do câncer de próstata, como também de doenças nos rins, bexiga e todo o trato urinário. Nesses casos, o robô usado é o Da Vinci SI e XI que entregam movimentos suaves e precisos através de suas pinças articuladas, reproduzindo de forma fiel os comandos das mãos do cirurgião.

 Cirurgias que podem ser realizadas com auxílio da plataforma robótica.

 – Prostatectomia: Retirada total ou parcial da próstata

 – Nefrectomia: Retirada total ou parcial de um rim

 – Pieloplastia: Tratamento na junção do rim com o ureter

 – Adrenalectomia: Retirada de uma ou ambas as glândulas suprarrenais

 – Cistectomia: Retirada total ou parcial da bexiga

O paciente só tem a ganhar através da cirurgia robótica. Por ser uma técnica minimamente invasiva , ou seja , a cirurgia é realizada através de pequenos orifícios no abdômen ( assim como a laparoscopica), as taxas de infecções , bem como transfusões são menores e a velocidade de recuperação e alta precoce normalmente acabam sendo a regra. A visão 3D e o aumento em 15x do campo de visão permitem total controle do procedimento, bem como o preciso movimentos dos 4 braços robóticos, além de filtrar totalmente a fadiga e os tremores causados pelas mãos do cirurgião.

Os grandes “medos” relacionados a cirurgia de próstata – incontinência e a impotência são minimizados enormemente com o auxílio dessa tecnologia.

 Hoje no Brasil dispomos de aproximadamente cerca de 80 robôs instalados em diversos hospitais, estando o maior número distribuído na grande São Paulo. Uma tecnologia que só tende a se disseminar casa vez mais, e que só agrega benefícios aos pacientes e equipe medica.

 

Fonte: Oncoguia / Conteúdo original: Terra

Deixe um comentário